Av. T-2, nº 471, Sala 1711, St. Bueno, Edifício Focus Business Center, Goiâni

(62) 3214-1655 | (62) 995729138

Cirurgia Plástica Mamária e Reparadora

Dr. Rafael Tumeh

Saiba mais

Cirurgião Plástico

Dr. Rafael Tumeh

Saiba mais

Cirurgia Plástica, Cirurgia Reparadora e Minimamente Invasivas

Dr. Rafael Tumeh

Saiba mais

Abdominoplastia, mamoplastia, Lipoaspiração, Blefaroplastia, entre outros

Dr. Rafael Tumeh

Saiba mais

Reparadora

Reconstrução de Mama, Câncer de Pele, Correção de cicatriz.

Saiba Mais

Cirurgia Plástica Mamária

Mastopexia com Prótese, Mamoplastia de aumento, Mamoplastia de aumento, Ginecomastia, Mamoplastia Redutora

Saiba Mais

Estética

Lipoaspiração, Abdominoplastia,Ritidoplastia, Rinoplastia

Saiba Mais

Ultimos posts Instagram

Serviços

A cirurgia de aumento de mama utiliza implantes para dar volume aos seios ou restaurar o volume mamário perdido após perda de peso ou gravidez.

Se você está insatisfeito com o tamanho da sua mama, a cirurgia de aumento de mama é uma opção a ser considerara. O aumento de mama pode:

• Aumentar o tamanho e projeção de seus seios,
• Melhorar o equilíbrio de seu corpo,
• Melhorar a sua autoestima e autoconfiança.

Os implantes também podem ser utilizados para reconstruir a mama após a mastectomia ou lesão.

A mamoplastia de aumento não corrige seios severamente caídos. Se você deseja um resultado que corrija a flacidez, o procedimento de elevação da mama pode ser realizado ao mesmo tempo que o aumento de mama ou, então, pode ser necessária uma segunda cirurgia. Seu cirurgião plástico irá ajudá-la a tomar esta decisão.

Também conhecida como blefaroplastia, a cirurgia de pálpebra melhora a aparência das pálpebras superiores, das pálpebras inferiores, ou de ambas. A cirurgia proporciona aparência rejuvenescida na área ao redor dos olhos, fazendo com que o olhar pareça mais descansado e alerta.

• A cirurgia da pálpebra superior remove o excesso de depósito de gordura que aparece como inchaço nas pálpebras superiores;
• Pele frouxa ou flacidez que cria dobras ou incomoda o contorno natural da pálpebra superior, às vezes prejudicando a visão, e pode ser tratada com cirurgia de pálpebra superior;
• A blefaroplastia da pálpebra inferior remove o excesso de pele e rugas finas na pálpebra inferior;
• Bolsas sob os olhos podem ser corrigidas por blefaroplastia;
• A cirurgia de pálpebra inferior pode corrigir queda das pálpebras inferiores.

A blefaroplastia é geralmente realizada em homens e mulheres adultos que têm tecido facial e músculos saudáveis, com metas realistas sobre a cirurgia.

Ginecomastia é o aumento benigno de tecido glandular mamário nos homens.

Pode acometer até 65% dos homens, e na grande maioria é de causa idiopática. Pode estar relacionada ainda a distúrbios hormonais, como aumento da atividade de hormônios estrogênicos, diminuição dos níveis de testosterona, bem como uso de medicações ou anabolizantes.

O tratamento cirúrgico, após descartado outras causas de base, apresenta várias técnicas, podendo ser realizado apenas a lipoaspiração, retirada do excesso da glândula, ou uma combinação delas. De acordo com o excesso de pele, serão realizadas diferentes cicatrizes. A cirurgia de Ginecomastia se destina a retirar o excesso de glândulas e/ou gordura da região peitoral. Quando o volume excessivo local for exclusivamente de gordura, esta será retirada por lipoaspiração, restando uma cicatriz de aproximadamente 0,5 cm. Quando houver glândula mamária ocasionando a deformidade, a cicatriz deixada ficará na borda aréola. Em caso de grande volume local poderá ocorrer sobra de pele. Entretanto esta pele, com o passar do tempo, se reacomodará sobre a região

A face apresenta uma anatomia complexa. Entre suas múltiplas e delicadas estruturas há diversos compartimentos de gordura que funcionam como coxins de proteção. Entre estes compartimentos, existe um que se estende quase que ao longo de toda a superfície lateral do rosto, em plano profundo, desde a têmpora até próximo à mandíbula, recebendo o nome de Bola ou Bolsa de Bichat (em homenagem ao anatomista francês que primeiro o descreveu). Na região do “oco” da cavidade oral (região das bochechas) é onde apresenta maior espessura podendo, quando em grande volume, dar aspecto mais arredondado ao rosto (com importante componente genético).

Bichectomia é o nome dado à retirada cirúrgica de parte desse compartimento de gordura, visando modificar/ afinar o contorno facial.

A indicação ou não do procedimento depende de avaliação presencial. A princípio, homens e mulheres poderiam se beneficiar, estando desaconselhado para pacientes abaixo dos 16-18 anos ou fora do peso ideal 

Como o compartimento de gordura a ser alcançado encontra-se em plano profundo (abaixo de estruturas nobres da região facial), o acesso através de pequena incisão na cavidade oral facilita sua identificação e manipulação, minimizando riscos.

Os riscos são os comuns a qualquer procedimento cirúrgico (sangramento, infecção) além dos relacionados às peculiaridades locais. A região de acesso na cavidade oral fica próxima ao óstio do ducto parotídeo (por onde a saliva – secretada pela glândula parótida – chega à boca) e a ramos bucais do nervo facial (responsáveis pela movimentação de parte da musculatura da boca), o que poderia favorecer lesão inadvertida destas estruturas. Outro ponto importante, em se tratando de cavidade oral, são os cuidados relativos à proteção da via aérea, vulnerável a líquidos ou fragmentos que porventura viessem a se deslocar posteriormente na boca, particularmente em pacientes com nível de consciência rebaixado (sob efeito de anestésicos). Daí a importância de o procedimento ser realizado por profissionais capacitados e em ambiente adequado.

Home

Especialista em Cirurgia Plástica pela Universidade Federal de São Paulo e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. É  Preceptor da Disciplina de Cirurgia Plástia na Escola Paulista de Medicina - UNIFESP, atuando ainda como colaborador do setor de Deformidade Mamárias, no qual participa de atividades assistenciais, pesquisa e ensino, Atualmente é assistente em reconstrução mamária pelo Instituto Brasileiro de Controle co Câncer (IBCC), Participa ainda do corpo clínico do Hospital Albert Einstein - SP, onde presta serviços em Cirurgia Plástica.

Depoimentos