Av. T-2, nº 471, Sala 1711, St. Bueno, Edifício Focus Business Center, Goiâni

(62) 3214-1655 | (62) 995729138

Cirurgia Plástica Mamária e Reparadora

Dr. Rafael Tumeh

Saiba mais

Cirurgião Plástico

Dr. Rafael Tumeh

Saiba mais

Cirurgia Plástica, Cirurgia Reparadora e Minimamente Invasivas

Dr. Rafael Tumeh

Saiba mais

Abdominoplastia, mamoplastia, Lipoaspiração, Blefaroplastia, entre outros

Dr. Rafael Tumeh

Saiba mais

Cirurgia Plástica Mamária

Mastopexia com Prótese, Mamoplastia de aumento, Mamoplastia de aumento, Ginecomastia, Mamoplastia Redutora

Saiba Mais

Reparadora

Reconstrução de Mama, Câncer de Pele, Correção de cicatriz.

Saiba Mais

Estética

Lipoaspiração, Abdominoplastia,Ritidoplastia, Rinoplastia

Saiba Mais

Ultimos posts Instagram

Serviços

Também conhecida como lipoescultura, a lipoaspiração remodela áreas específicas do corpo, removendo o excesso de depósitos de gordura, melhorando os contornos do corpo e a proporção.

Apesar de boa saúde e da prática de exercício físico, algumas pessoas podem, ainda, ter um corpo com contornos desproporcionais devido a depósitos de gordura localizada. Estas áreas podem ocorrer devido a características genéticas, à falta de controle do peso ou de atividade física. A lipoaspiração pode ser usada para tratar acúmulos de gordura em várias partes do corpo, incluindo coxas, braços, pescoço, cintura, costas, parte medial do joelho, peito, bochechas, queixo, pernas e tornozelos. Em alguns casos, a lipoaspiração é realizada isoladamente, em demais casos, ela é usada com procedimentos de cirurgia plástica tais como o facelift, a redução de mama ou a abdominoplastia.

A lipoaspiração não é um tratamento para a obesidade e não substitui a prática de exercício físico e bons hábitos alimentares. Indivíduos com áreas de gordura no corpo e que se exercitam regularmente são os melhores candidatos a este procedimento.

Se você está incomodado com o excesso de acúmulo de gordura – localizado em qualquer lugar de seu corpo – e não vê resultados positivos com dieta ou prática de exercício físico, a lipoaspiração pode ser indicada para você.

A abdominoplastia é um procedimento altamente individualizado e você deve fazê-lo para si mesmo, não para satisfazer os desejos de outra pessoa ou para se adaptar a qualquer tipo de imagem ideal.

Procedimento em que se remove o excesso de gordura e de pele e, na maioria dos casos, restaura os músculos enfraquecidos ou separados, criando um perfil abdominal mais suave e tonificado. Ter um abdômen liso e tonificado é algo que muitos de nós se esforça para ter através de exercício físico e controle de peso. No entanto, às vezes, exercício físico e controle de peso não são suficientes para que alcancemos nossos objetivos. Mesmo pessoas com peso corporal e proporção normais podem desenvolver um abdômen protruido, frouxo e flácido. As causas mais comuns destas situações incluem:

  • Gravidez;
  • Envelhecimento;
  • Oscilações significativas no peso;
  • Hereditariedade;
  • Cirurgia prévia.

A cirurgia de abdominoplastia não é um substituto à perda de peso ou a programa adequado de exercício físico. Ademais, a abdominoplastia não corrige estrias, embora possam ser removidas ou melhoradas ligeiramente se estiverem localizadas em áreas de pele adicional que será removida, em geral, nas áreas tratadas abaixo do umbigo.

A redução de mama remove o excesso de gordura, o tecido glandular e a pele para atingir um tamanho de mama proporcional com o seu corpo e aliviar o desconforto associado com seios muito grandes.

Seios excessivamente grandes podem causar, em algumas mulheres, problemas emocionais e de saúde. O peso do tecido mamário em excesso pode prejudicar sua capacidade de levar uma vida ativa. O desconforto emocional e o autoconhecimento, muitas vezes, associados a seios grandes e caídos, é um problema para muitas mulheres, pois podem causar desconforto e dor.

A cirurgia de redução de mama é um procedimento individualizado e você deve fazê-lo para si mesma, não para satisfazer os desejos de outra pessoa ou para tentar se adaptar a qualquer tipo de imagem ideal.

Ginecomastia é o aumento benigno de tecido glandular mamário nos homens.

Pode acometer até 65% dos homens, e na grande maioria é de causa idiopática. Pode estar relacionada ainda a distúrbios hormonais, como aumento da atividade de hormônios estrogênicos, diminuição dos níveis de testosterona, bem como uso de medicações ou anabolizantes.

O tratamento cirúrgico, após descartado outras causas de base, apresenta várias técnicas, podendo ser realizado apenas a lipoaspiração, retirada do excesso da glândula, ou uma combinação delas. De acordo com o excesso de pele, serão realizadas diferentes cicatrizes. A cirurgia de Ginecomastia se destina a retirar o excesso de glândulas e/ou gordura da região peitoral. Quando o volume excessivo local for exclusivamente de gordura, esta será retirada por lipoaspiração, restando uma cicatriz de aproximadamente 0,5 cm. Quando houver glândula mamária ocasionando a deformidade, a cicatriz deixada ficará na borda aréola. Em caso de grande volume local poderá ocorrer sobra de pele. Entretanto esta pele, com o passar do tempo, se reacomodará sobre a região

Home

Especialista em Cirurgia Plástica pela Universidade Federal de São Paulo e membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. É  Preceptor da Disciplina de Cirurgia Plástia na Escola Paulista de Medicina - UNIFESP, atuando ainda como colaborador do setor de Deformidade Mamárias, no qual participa de atividades assistenciais, pesquisa e ensino, Atualmente é assistente em reconstrução mamária pelo Instituto Brasileiro de Controle co Câncer (IBCC), Participa ainda do corpo clínico do Hospital Albert Einstein - SP, onde presta serviços em Cirurgia Plástica.

Depoimentos